• Document: 11 e ITs
  • Size: 174.26 KB
  • Uploaded: 2019-07-18 22:41:40
  • Status: Successfully converted


Some snippets from your converted document:

SEQUÊNCIA BÁSICA PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO PARA O CORPO DE BOMBEIROS DE SÃO PAULO Decreto 56818/11 e ITs CLASSIFIQUE A ALTURA  Decreto, artigo 3º nº I ; I – Altura da Edificação: a. para fins de exigências das medidas de segurança contra incêndio, é a medida em metros do piso mais baixo ocupado ao piso do último pavimento; b. para fins de saída de emergência, é a medida em metros entre o ponto que caracteriza a saída do nível de descarga ao piso do último pavimento, podendo ser ascendente ou descendente.  Há uma altura para as exigências de medidas de proteção contra incêndio (MPCI);  Há outra altura para as exigências de circulação e saídas.  Capitulo VII, artigo 20 e 21. Artigo 20 – Para fins de aplicação deste Regulamento, na mensuração da altura da edificação, não serão considerados: I – os subsolos destinados exclusivamente a estacionamento de veículos, vestiários e instalações sanitárias, áreas técnicas sem aproveitamento para quaisquer atividades ou permanência humana; II – pavimentos superiores destinados, exclusivamente, a áticos, casas de máquinas, barriletes, reservatórios de água e assemelhados; III – mezaninos cuja área não ultrapasse a 1/3 (um terço) da área do pavimento onde se situa; IV – o pavimento superior da unidade duplex do último piso de edificação de uso residencial. DETERMINE A ÁREA  Artigo 22 – Para fins de aplicação deste Regulamento, no cálculo da área a ser protegida com as medidas de segurança contra incêndio, não serão computados: I – telheiros, com laterais abertas, destinados à proteção de utensílios, caixas d’água, tanques e outras instalações desde que não tenham área superior a 10 metros quadrados; II – platibandas e beirais de telhado até 3 metros de projeção; III – passagens cobertas, com largura máxima de 3 metros, com laterais abertas, destinadas apenas à circulação de pessoas ou mercadorias; IV – as coberturas de bombas de combustível e de praças de pedágio, desde que não sejam utilizadas para outros fins e sejam abertas lateralmente; V – reservatórios de água; VI – piscinas, banheiros, vestiários e assemelhados, no tocante a sistemas hidráulicos, alarme de incêndio e compartimentação; VII – escadas enclausuradas, incluindo as antecâmaras; VIII – dutos de ventilação das saídas de emergência.  Abater ambientes que podem ser desconsiderados pode mudar o enquadramento e as exigências e o dimensionamento da Reserva de Incêndio (cuidado com possíveis ampliações).  Há um “divisor” de exigências, que é a área de 750 m 2; CLASSIFIQUE A EDIFICAÇÃO SEGUNDO A TABELA 1  Passo mais importante do projeto pois define as exigências;  Em caso de dúvida utilize o enquadramento mais severo.  É preferível dizer ao cliente que algo não mais será necessário que dizer que houve um acréscimo de exigências. CARGA DE INCÊNDIO  É a quantidade de combustível (média) do ambiente;  Há listagem na IT-14 e ela vai determinar, segundo a Tabela 3, se o risco é baixo, médio ou alto, interferindo no dimensionamento de diversas MPCI;  (Como definição de risco é equivocada porque apresenta uma avaliação de consequência sem atentar para a probabilidade. Deve ser alterada no futuro). EXIGÊNCIAS  Feitas as classificações, as exigências relativas à edificação estarão contidas:  Ou nas Tabelas 6A a 6M;  Ou na Tabela 4 – Edificações Existentes;  Ou na Tabela 5 – para área ≤ 750 m² “e” altura < 12 m.  As exigências relativas a subsolos estão contidas na Tabela 7;  Muitas exigências são apresentadas nas “Notas” das Tabelas. DESTAQUES  A Tabela 4 trata de edificações comprovadamente (que possuam documentos que comprovem) construídas e que não tiveram alterações nem mudança de ocupação, antes do surgimento da regulamentação (anterior a 1983, ou 1993, ou 2001), para as quais há regras na IT-43;  A Tabela 5 trata de ocupações com até 12 m de altura “e” 750 m2 de área construída, com exigências reguladas pela IT-42. Se as áreas de um mesmo empreendimento possuem até 750 m² isolados uns dos outros (na somatória maior) deve ser apresentado projeto que demonstre os isolamentos. ARQUITETURA E SISTEMAS  Inicie os trabalhos buscando as exigências ligadas à Arquitetura (reserva de incêndio é Arquitetura), pois elas são impossíveis ou de difícil correção. Ex. Circulação.  As exigências relativas a sistemas prediais possibilitam maiores possibilidades de ajustes. Ex. hidrantes, bicos de spk, extintores, detectores, etc., podem ter sua localização alterada. IT-11 – SAÍDAS (CIRCULAÇÃO)  Intimamente ligada a proteção à vida, fornece parâmetros para largura de corredores, portas, escadas, proteção de escadas do calor, fumaça, etc..  Edificações destinadas a centros esportivos

Recently converted files (publicly available):